Nardi Suxo, vice-ministra da Transparência e Luta Contra a Corrupção da Bolívia, fala sobre seu país

Passou despercebida por parte dos meios de comunicação de Salvador a visita da vice-ministra da Transparência e Luta Contra a Corrupção da Bolívia, Nardi Suxo, que esteve na capital baiana entre os dias 14 e 15 de maio. Suxo veio à Bahia por recomendação do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). O objetivo foi conhecer tecnologias de gestão pública que estão sendo implementadas pelo governo baiano. Durante sua estada, em meio a uma agenda repleta de compromissos, a vice-ministra concedeu entrevista exclusiva ao blog Textos ao Vento na qual comentou sobre a situação atual do seu país. Nardi Suxo falou sobre a luta para dotar a Bolívia de melhores serviços públicos à população; a sanha separatista perpetrada pelas elites da região de Santa Cruz; a discriminação que estas praticam com as populações indígenas nativas, inclusive com o próprio presidente e auxiliares indígenas; e a certeza de que a Embaixada dos EUA está financiando a desestabilização do país. Sempre se referindo ao presidente Evo Morales como “hermano”, Nardi Suxo deixou claro que o governo boliviano é a representação da vontade dos movimentos sociais indígenas, “um país com muitos recursos naturais que estão sendo recuperados para a população”, enfatizou. Segue o vídeo.


video

Comentários

Fabrício Lopes disse…
Sensacional, Zeca!!!!

Parabéns pela entrevista e por nos dar a oportunidade de escutar pessoas de dentro do Governo de Evo Morales.

Muito interessante a forma como Nardi Suxo aborda as questões que ocorrem em seu País. Ela fala de maneira muito clara e racional. Coloca os pingos nos "is" dos problemas enfrentados por Morales.

Muito bom! Parabéns mais uma vez.

Postagens mais visitadas deste blog

Snowden. Ou o fim da utopia cibernética

Num dia de agosto de 1992

Fé e ciência. O que Buda e Cristo têm em comum?