VALSA COM BASHIR (Waltz with Bashir) - Trailer Legendado

Vinte e seis cães o perseguem em sonho. É o numero de cachorros abatidos por Boaz, que aos 19 anos serviu no Exército de Israel na sangrenta Guerra do Líbano, em 1982. Os animais eram mortos para que não chamassem atenção durante as incursões nos vilarejos libaneses. As tropas israelenses caçavam ativistas palestinos e os latidos poderiam precipitá-los. Um tiro certeiro atinge a cabeça de um pobre animal, que tomba em segundos. A cena é triste e da a dimensão desumana daquele conflito que vitimou milhares de crianças, mulheres e velhos indefesos. Valsa com Bashir é um documentário que impressiona. Com linguagem em animação, o filme do diretor israelense Ari Folman é uma contudente denúncia contra um conflito sangrento, que culminou com o massacre nos campos de refugiados de Sabra e Chatila, onde viviam milhares de palestinos. No personagem do ex-soldado Boaz, a guerra é revivida como uma espécie de catarse e os demônios advindo das suas agruras são exorcizados por ele e outros ex-combatentes. São lembranças de dor e sofrimento mescladas com passagens nas ruas de Beirute e vilarejos do Líbano. É o dedo apontado à criminosa aliança entre o Estado de Israel e as falanges cristãs libanesas, de extrema direita, responsáveis por um dos maiores crimes contra humanidade no século XX. A denúncia também recai sobre a atitude cínica e suja dos comandos militares israelenses no sul do Líbano, que deram apoio logístico à ação genocida dos fascistas libaneses. Trata-se de um contundente documentário, brilhante. Veja o trailler.

Comentários

Lidia disse…
Obrigada também! É eu escrevo desabafos mesmo, escrever me liberta desses humores e eu termino conseguindo rir de algumas experiências não muito risíveis. Sim! Já eu sinto falta da visão macro. Talvez não de escrever assim, mas de voltar o olhar para esses aspectos que no cotidiano a maioria das pessoas deixa passar despercebidos... Não tratamos mais do que não diz respeito ao nosso interesse imediato sem ser vistos como ingênuos, moralistas etc. Mas vc mostra que não se deixa contagiar por essa (falta de) disposição.
Também achei legal conhecer seu blog... de vez em quando virei visitar seus textos!

Postagens mais visitadas deste blog

Snowden. Ou o fim da utopia cibernética

kristallnacht à brasileira?

Fé e ciência. O que Buda e Cristo têm em comum?