Da esquerda à ultradireita

E já que estamos falando de discurso político na teledramartugia brasileira, vai aí um pouco da trajetória profissional de um dos maiores reacionários do país, Agnaldo Silva. O escriba que demoniza a esquerda e estereotipa militantes estudantis na novela Duas Caras, um dia já militou na imprensa alternativa. Agnaldo Silva foi jornalista-fundador do jornal Lampião da Esquina -veículo porta-voz do movimento homossexual - assim como atuou também no alternativo Movimento. O dramaturgo já esteve preso durante o regime militar e respondeu a vários processos, inclusive sendo enquadrado na Lei de Imprensa. Pois é, agora está acantonado no front mais conservador e reacionário da direitona nacional. Conheço histórias semelhantes no meio acadêmico....

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Snowden. Ou o fim da utopia cibernética

kristallnacht à brasileira?

Fé e ciência. O que Buda e Cristo têm em comum?